Home Imprimir

Seja bem-vindo! Gratidão por sua visita! "Somos o que semeamos em pleno deserto." Mia Couto

Confira a programação de eventos neste site, no item AGENDA.

Em 05 de outubro acontecerá o II Encontro de Biblioterapia na UFF (Universidade Federal Fluminense), no Campus Gragoatá em Niterói. Participe!


O campo da biblioterapia no Brasil está em plena expansão. Em 26 de outubro de 2016, foi realizado o primeiro encontro na Unirio, no Rio de Janeiro, quando o termo ainda era pouco conhecido pelo público. Foi o “I Encontro de Biblioterapia: que história é essa?”, promovido por Cristiana Seixas.

Após três anos, o cenário mudou: profissionais de diversas áreas têm oferecido oficinas, formações, eventos, presenciais e online. É chegado o momento de mapear ações, partilhar as plurais experiências, apurar questões conceituais e formativas, unir forças para lutar por conquistas na legislação, como inclusão da prática como Prática Integrativa e Complementar de Saúde, por exemplo.

Há um campo do saber e do cuidar diversificado que pode inspirar movimentos e contribuir com a construção coletiva da história da biblioterapia no Brasil. Para isso, anunciamos a oportunidade de estarmos juntos, através do II Encontro de Biblioterapia: cartografias e rumos, que acontecerá no sábado dia 05 de outubro, das 09h às 18h, na Universidade Federal Fluminense (UFF), Campus Gragoatá – no auditório no térreo do bloco F, Rua Alexandre Moura, 8 – São Domingos, em Niterói – RJ.

O evento é apoiado pelo FIAR – Círculo de Estudos e Pesquisa Formação de Professores, Infância e Arte, da Faculdade de Educação da UFF.

Entre os diálogos e partilhas, teremos poesia, contação de histórias, dança circular e outras artes.

Para garantir sua presença, inscreva-se via Whatsapp (21) 99649-1518 ou por e-mail para Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. .

“Isso de querer ser exatamente aquilo que a gente é ainda vai nos levar além.” Leminski

Aguardamos a manifestação de seu desejo em fazer parte!

Biblioabraços,
Cristiana Seixas e equipe

 

Conclui em agosto de 2018 um mestrado em educação pela UFF. Minha pesquisa buscou avaliar desdobramentos na criação de espaços poéticos, simbólicos e expressivos na formação de professores, privilegiando quatro veículos: a biblioterapia, a arteterapia, a dança circular e a escrita criativa. Chama-se "Vagar sem pressa no esconderijo da vida alada: em busca da alma na educação". Quer acesso ao trabalho completo? Está aqui.

A Rádio MEC AM gravou um bate-papo imperdível sobre a biblioterapia. Quer ouvir? Clique aqui.

Que saber mais sobre a biblioterapia?  Adquira o livro Vivências em Biblioterapia: práticas do cuidado através da literatura:

 

Você pode adquirir o livro de duas formas:

1. diretamente com a autora nos eventos (vide agenda);

2. via Cândido Editora: https://editoracandido.loja2.com.br/8275172-Vivencias-em-Biblioterapia

Confira abaixo uma opinião a respeito deste livro e trabalho:

"Quem já não se sentiu impactado por um livro? Uma obra que mexeu com as nossas estruturas mais profundas e escondidas? Que nos fez repensar e questionar nossas verdades e tudo aquilo a nossa volta?

Agora, imagine um livro entregue a você por uma psicóloga que ouviu atentamente suas angústias, dramas, frustrações, medos, enfim, suas questões. E quando você lê aquele trecho específico do texto, seus olhos se enchem d’água, a garganta parece dar um nó de tanta dor e, sem saber de onde, suas emoções afloram descontroladamente. Ficamos confusos e assustados com a força daquelas palavras e a sincronia delas com as nossas emoções.

Todo esse processo acontece através de um método, não tão novo assim, mas pouco usado e divulgado, chamado biblioterapia.

No entanto, já há quem aplique as “doses literárias” com responsabilidade, desenvoltura e surpreendentes resultados em seu consultório. Cristiana Seixas é psicóloga clínica, especializada em biblioterapia. Foi ela, junto com o seu rico acervo literário e filosófico, apelidado pela própria como sendo sua “farmacinha”, que tem me ajudado a superar várias questões em minha vida.

A principal vantagem do uso da literatura nesse processo é a rapidez da resposta ao tratamento. As questões levadas pelo paciente não são analisadas apenas pelo ponto de vista do psicólogo. Além dele, somos conduzidos a refletir e analisar tais questões sob outros olhares feitos através da leitura de livros, ou de seus trechos, que, curiosamente, tem relação com o que estamos vivendo. É claro que quem faz essa ponte e sugere as leituras é a terapeuta, que não só tem uma bagagem literária formidável como  também a capacidade de relacionar os relatos feitos na sessão pelo paciente com textos que o conduzem para o “olho do furacão”. É uma experiência fascinante que abre muitas portas e provoca insights.

Como paciente, costumo dizer que a biblioterapia me proporciona encontros e diálogos atemporais que me dão energia e coragem para avançar cada vez mais fundo no meu processo de autoconhecimento.

Aos interessados, recomendo a leitura de “Vivências em Biblioterapia – práticas do cuidado através da literatura”, escrito pela Cristiana Seixas. O livro é um relato do trabalho que vem sendo desenvolvido por ela e demonstra o poder da literatura nas curas psíquicas."

Cristina Crespo

Acesse o menu AGENDA para conferir a programação dos eventos.

"A vida é a arte do encontro." Vinicius de Moraes